top of page

VEJA TAMBÉM

Tudo o que você precisa saber para a quarta-feira de Liga dos Campeões


Quarta-feira conta com Juve x Porto e Sevilla x Dortmund — Foto: Getty Images

Tudo o que você precisa saber para a quarta-feira de Liga dos Campeões


Por Gabriel Lins

17/02/2021 — 14h39

 

A Champions está de volta! Após uma terça-feira (16) espetacular, mais quatro equipes se enfrentam nos duelos de ida em busca de vaga às quartas de final da competição. Por isso fique atento aos detalhes e pontos-chave que podem fazer muita diferença não só nos jogos de amanhã, mas no confronto como um todo.



Porto x Juventus - Estádio do Dragão | 17h:

 

O Porto vem numa sequência de quatro empates nos últimos quatro jogos. A última vitória da equipe portuguesa foi contra o Rio Ave, no mesmo Estádio do Dragão, pelo Campeonato Português. Para a partida contra a Juventus, o técnico Sérgio Conceição poderá alterar o esquema e passar a atuar num 3-4-3 ao invés do tradicional 4-4-2 que utiliza normalmente e tentará levar o Porto à difícil missão de vencer a Juve pela primeira vez na história. Isso mesmo. O Porto nunca venceu a equipe italiana. Foram cinco confrontos entre as duas equipes, com quatro vitórias dos italianos e apenas um empate. Para isso, conta com a força da sua dupla de ataque - o iraniano Taremi (14 gols e 9 assistências na temporada) e o malinês Marega (9 gols e 5 assistências) - e com o apoio da bela temporada do meio-campista Sérgio Oliveira, artilheiro da equipe na copa com três gols.


Já a Juventus vem de derrota para a Napoli pela Serie A italiana e tenta virar a página pela Champions. A equipe do técnico Andrea Pirlo vem sofrendo com desgaste e uma sequência grande de jogos, que fez a equipe perder alguns jogadores importantes como o brasileiro Arthur e o colombiano Cuadrado para a partida contra o Porto. Além desses dois, a Juve também não conta com o zagueiro Bonucci que, de última hora, sentiu um problema no treino antes do jogo. Por outro lado, conta com as voltas de Ramsey e Dybala, recuperados de lesão, mesmo sem estarem 100% para o jogo. Para vencerem os portugueses, há uma confiança na capacidade decisiva de Cristiano Ronaldo, artilheiro máximo da história da competição. O português tem 23 gols na temporada (quatro deles na Champions) e, mesmo tendo que trabalhar um pouco mais longe da área nesta temporada, continua sendo mortal. Vale destacar também o espanhol Morata, um dos artilheiro da competição, com seis gols. Fez uma grande fase de grupos, sendo fundamental principalmente nos jogos em que CR7 não estava por conta da Covid-19.



Sevilla x Borussia Dortmund – Estádio Ramón Sánchez Pizjuan | 17h:

 

O Sevilla chega ao mata-mata da Liga com muita moral, pois vem em uma ótima fase com uma sequência de nove vitórias consecutivas, sendo uma delas com atuação perfeita contra o Barcelona, pela semifinal da Copa do Rei. Vem crescendo muito de produção e cada vez mais dá indícios de que pode surpreender na parte mais decisiva da temporada. O técnico Julen Lopetegui vem fazendo um ótimo trabalho na equipe da Andaluzia e fortaleceu a equipe tanto individualmente, com a chegada de Papu Gómez à equipe e a volta de Iván Rakitic, e coletivamente, tendo atuações cada vez mais sólidas e com muita criação de jogadas. Vai ter como uma das principais armas contra o Borussia o seu artilheiro marroquino En-Nesyri, que tem 17 gols na temporada (quatro na Liga dos Campeões) e sua excelente dupla de zaga: o francês Koundé e o brasileiro Diego Carlos, dois dos responsáveis pela equipe ter tomado apenas três gols nos últimos 10 jogos. Por outro lado, os espanhóis tem desfalques importantes, como os laterais Acuña e Jesús Navas, além de seu destaque, o argentino Lucas Ocampos. Ainda assim, o Sevilla sonha alto na Champions e chega com muita vontade de eliminar o Borussia Dortmund.


Do outro lado, o Dortmund faz uma temporada muito irregular e hoje estaria de fora da próxima Champions League de acordo com a atual tabela da Bundesliga. Vindo de um empate e uma derrota no nacional, o Borussia tenta virar a chave e focar na parte mais decisiva da temporada. Os aurinegros tem desfalques importantes, como o volante belga Witzel e o goleiro Bürki. Para superar a equipe do Sevilla, o Borussia Dortmund aposta no fenômeno de 20 anos Haaland, artilheiro da equipe na temporada com 23 gols e empatado na artilharia da Champions com Morata, com seis. O atacante se destaca principalmente pela sua finalização, explosão e habilidade. É fundamental em todas as partidas do Borussia e quer liderar a equipe à próxima fase do playoff. Também conta com o meia-atacante Jadon Sancho, que ajuda muito na construção e na dinâmica do jogo e é um dos grandes nomes da equipe e da seleção inglesa. No entanto, vai precisar mostrar muito mais se quiser passar por uma equipe confiante e em ótima fase.

Comments


bottom of page