últimas notícias

Inzaghi lamenta eliminação para o Liverpool: "Chateado com o resultado no San Siro"












Técnico da Internazionale aplaude torcida presente no Anfield após eliminação na Liga dos Campeões — Foto: Divulgação / Inter de Milão

Por Redação – 09 de março

O técnico da Inter de Milão, Simone Inzaghi, classificou o Liverpool como possivelmente "o time mais forte da Europa" nesta terça-feira (08). A fala veio em entrevista coletiva depois da vitória da equipe por 1 a 0 sobre o Liverpool, pelo segundo jogo das oitavas de final da Liga dos Campeões. Os italianos acabaram eliminados da competição pelo placar agregado, após perderem na ida por 2 a 0.

Inzaghi admitiu que ficou amargurado com o resultado do jogo de ida, que ocorreu no San Siro, e garantiu a classificação dos Reds pelo placar somado de 2 a 1.


"Estou mais chateado com o resultado no San Siro do que com o que aconteceu hoje", desabafou o treinador. "Jogamos contra, talvez, o melhor time da Europa neste momento de igual para igual".

A Inter, de fato, fez jogo duro para cima do Liverpool, mas sofreu sustos antes de abrir o contador. Joel Matip cabeceou cobrança de escanteio no travessão, ainda no primeiro tempo, enquanto Mohamed Salah acertou duas vezes a trave na etapa final. O zagueiro Virgil Van Dijk também assustou a defesa italiana em jogadas pelo alto.

O gol do jogo foi marcado Lautaro Martínez no segundo tempo, em uma bela batida de fora da grande área, e deu um facho de esperança para a Nerazzurri, que estava com problemas de criação de jogadas. A euforia em busca do segundo gol, entretanto, foi interrompida pelo camisa 7 da Inter, Alexis Sanchez, que recebeu sua segunda punição de cartão amarelo após cometer outra falta usando a sola da chuteira.

Inzaghi, inclusive, lamentou a expulsão de Sánchez: "Pagamos um preço alto pelo cartão vermelho".

Leia também

+ Tottenham massacra o Everton, que se complica na tabela

+ Sem espaço, Rashford reconsidera seu futuro no Manchester United

+ Mbappé sofre lesão no pé, mas deve enfrentar o Real Madrid, diz jornal