últimas notícias

Chelsea vence Tottenham tímido fora de casa e entra na luta por vaga à Liga dos Campeões


Elenco dos Blues celebra gol de Jorginho, ainda no primeiro tempo — Foto: Getty Images

Chelsea vence Tottenham tímido fora de casa e entra na luta por vaga à Liga dos Campeões


Por Rafael Miera, em Londres (ING)

04/02/2021 — 18h51

 

E esta quinta-feira (04) foi dia de clássico londrino na Premier League. Diretamente do New Tottenham Hotspur Stadium, Chelsea e Tottenham se enfrentaram para espantarem suas respectivas má fases: os Spurs, comandados por José Mourinho, vinham de duas derrotas seguidas e o Chelsea entrava em campo para acabar com a sina de não vencer times do top 6 do campeonato, um grande fator para a queda de Frank Lampard do comando dos Blues. Diferentemente do jogo do primeiro turno, o placar não ficou em branco: 1 a 0 para o Chelsea, que se impôs a todo momento, mesmo fora de casa, e que agora chega à sua segunda vitória seguida, subindo para a 6ª colocação no campeonato. Enquanto isso, o Tottenham amarga a sua terceira derrota consecutiva - marca negativa que não era vista desde 2012. O time caiu para o 8° lugar. Veja a tabela completa e atualizada, clicando aqui!


 

1° tempo


Começou a milhão, com uma jogada ensaiada dos Blues logo no toque inicial. Após um belo lançamento, a bola caiu limpa para Timo Werner quase abrir o marcador de cabeça, aos 18 segundos. No geral, o Chelsea tentava furar o bloqueio de José Mourinho com lançamentos nas costas dos defensores, enquanto o Tottenham apostava no contragolpe, com ataques rápidos e de poucos toques na bola, contando com Son e Bergjwin no comando dos avanços. Harry Kane era desfalque, lesionado. Após os 15 minutos, os Spurs tentaram assumir o comando do jogo, adiantando suas linhas e apertando um pouco mais a saída dos visitantes, mas Dier acabou cometendo pênalti em Timo Werner e Jorginho, como de costume, não desperdiçou a oportunidade e guardou aos 24 minutos: mesmo com o goleiro Lloris acertando o canto direito, o meio-campista estufou as redes e colocou os visitantes à frente. E o gol esfriou totalmente o jogo, principalmente pelo lado do time da casa. O Tottenham só voltou a levar perigo ao gol de Mendy aos 41 minutos, após cobrança de falta na área e com Aurier completando de cabeça ao lado do gol, sem causar preocupação.


Jorginho, durante cobrança de penal que trouxe a liderança no placar ao Chelsea — Foto: Getty Images

 

2° tempo


A segunda metade do jogo iniciou com um jogo travado no meio de campo e com muitas disputas físicas, com poucas chances de gol. Naturalmente, o Tottenham voltou buscando mais o ataque, mas sem grande sucesso. Aos 14 minutos, o Chelsea quase ampliou com Werner, que recebeu a bola dentro da pequena área e foi bloqueado pela zaga no momento do chute. Mourinho assistia da área técnica o seu time ser dominado pelo Chelsea, com apenas duas finalizações até então enquanto o rival tinha chutado a gol por 13 vezes. Assim, optou por fazer duas substituições: entraram em campo o brasileiro Lucas Moura e o argentino Lamela para habilitar o atacante brasileiro Carlos Vinícius, que mal tocava na bola. Porém, a mudança não foi efetiva e os Spurs continuaram com dificuldades inclusive para passar do centro do campo. Sendo assim, o Chelsea confirmou a sua vitória fora de casa, apesar de pressão no fim do adversário.


Técnico Tuchel comemorou muito a vitória, após o apito final — Foto: Getty Images

 

E agora?


O Tottenham recebe o West Bromwich no próximo dia 7 e em seguida vai até Manchester para o duelo contra o líder City. O Chelsea, do outro lado, visita o lanterna Sheffield United na mesma data e recebe o Newcastle no Stamford Bridge, em seguida. Veja a tabela completa e atualizada, clicando aqui!

2 comentários