últimas notícias

Liverpool vai mal, perde em casa para o Brighton e se distancia da luta pelo título


Jogadores do Brighton celebram gol da vitória em Anfield — Foto: Getty Images

Liverpool vai mal, perde em casa para o Brighton e se distancia da luta pelo título

Por Gustavo Maia, em Liverpool (ING)

03/02/2021 — 19h21

 

Em mais um jogo da Premier League realizado nesta quarta-feira (03), Liverpool e Brighton se enfrentaram em duelo válido pela 21ª rodada. Os Reds foram derrotados por 1 a 0 jogando em Anfield, sendo a segunda perda seguida em seus domínios. Após a metade da competição disputada, os Reds entraram em campo na caça aos líderes de Manchester. Nesta rodada, o United derrotou o Southampton por incríveis 9 a 0 em Old Trafford, enquanto o City venceu o Bunrley por 2 a 0 no Turf Moor, deixando o time a quatro pontos dos Red Devils, vice-líderes, e sete pontos dos citizens, na ponta. O Brighton, em contra partida, faz um campeonato de luta contra o rebaixamento. Com duas vitórias e um empate nas ultimas três rodadas, a equipe conseguiu abrir dez pontos do Fulham, primeira equipe na zona de rebaixamento com 14 pontos e alcançou a 15ª colocação na Premier League. Veja a tabela completa e atualizada da Premier League, clicando aqui!


 

1° tempo


O Liverpool iniciou o jogo como costuma: pressionando seu adversário. Logo aos 3 minutos de jogo, Henderson - que atua como zagueiro, devido a desfalques dos Reds - fez um lançamento da divisa do meio-campo para infiltração de Salah pela direita, que acabou desperdiçando a boa oportunidade contra a meta do goleiro Robert Sánchez. O Brighton, por outro lado, com seu sistema defensivo de três zagueiros suportou a pressão ofensiva dos caseiros e também assustou. Aos 23 minutos, em grande jogada de Maupay, a bola sobrou para Burn finalizar de maneira atabalhoada, perdendo boa chance na grande área. Assim, apesar da posse de bola de 61%, os comandados de Jürgen Klopp foram vencidos pela marcação dos visitantes, que levaram para o intervalo o placar de 0 a 0 sem grandes ameaças contra sua baliza.


Alexander-Arnold com a posse da bola, sendo observado por Maupay — Foto: Getty Images

 

2° tempo


Na volta do intervalo, o Liverpool pressionou o Brighton com suas linhas altas e aos sete minutos Roberto Firmino, em troca de passes com Robertson, conseguiu boa finalização da entrada da área, tirando tinta do poste direto do goleiro adversário. Os visitantes se seguravam e em contra-ataque, aos 11 minutos, Burn apareceu na segunda trave escorando cruzamento para o meio da área, onde a bola encontrou Alzate, que colocou pro fundo das redes. O Liverpool seguiu na pressão, mas sem verticalidade. Insatisfeito com o desempenho da sua equipe, Klopp decidiu sacar Shaqiri e Winaldjum colocando em campo Chamberlain e Origi. O jogo acelerou e, aos 24 minutos, Arnold invadiu e encontrou Salah livre na pequena área onde o artilheiro da Premier League perdeu uma grande oportunidade de empatar o jogo. Pouco depois, Kelleher, que substituiu o goleiro Alisson Becker - com uma doença ainda desconhecida -, fez grande intervenção em chute de fora da área de Gross, salvando os Reds de tomarem o segundo gol. Os caseiros se lançavam cada vez mais ao ataque buscando o gol de empate, porém, se descuidavam muito defensivamente. Assim, Trossard penetrou a área e soltou a perna esquerda para mais uma grande defesa de Kelleher. O jogo tomava contornos emocionantes com um Liverpool completamente exposto e com o técnico Graham Potter preparando sua equipe para os contra-golpes. Apesar de todos os esforços, o Brighton saiu vitorioso.


 

E agora?


O Liverpool volta a campo domingo (07), para enfrentar o Manchester City, atual líder da competição com 47 pontos, podendo reduzir a distância para quatro pontos em caso de vitória. O Brighton vai a Burnley em mais um confronto direto na briga contra o rebaixamento. Veja a tabela completa e atualizada da Premier League, clicando aqui!