últimas notícias

GP da Hungria: Hamilton garante pole, Mercedes domina e consegue outra dobradinha no Qualyfying

  • Lewis Hamilton quebrou o recorde de tempo de volta da pista

  • Surpresa, Williams avançam ao Q2


Por Saulo Bastos — Mogyoród, Hungria


Hamilton largará em primeiro lugar no GP da Hungria — Foto: Merdes-AMG F1

Aconteceu neste sábado (18) o treino classificatório que definiu o grid de largada para o GP da Hungria. Ao contrário desta sexta-feira (17), quando os treinos livres 1 e 2 foram realizados de baixo de uma forte chuva, o dia amanheceu ameno sob o céu do circuito de Hungaroring. Havia grande expectativa sobre o desempenho das equipes no travado traçado, algo que teoricamente tenderia a favorecer a Red Bull, mas que não vingou.



+ Veja a classificação completa e atualizada do Campeonato Mundial dos pilotos e dos construtores


+ GP da Hungria: Com chuva, Hamilton lidera primeiro treino livre e Mercedes consegue nova dobradinha



WILLIAMS SURPREENDEM NO Q1


A Racing Point mostrou o quanto seu carro foi bem construído para esse ano. Até que se comprove que não se trata de uma cópia da Mercedes de 2019, alvo de protesto da Renault junto à FIA, a equipe dos carros rosa vem apresentando um excelente desempenho desde o começo do campeonato e fez dobradinha no Q1, com pneus macios.


Em terceiro ficou Lewis Hamilton (Mercedes), seguido das McLaren de Sainz e Norris. Vettel (Ferrari) fez o sexto tempo, Bottas (Mercedes) o sétimo, Verstappen (Red Bull), o oitavo. George Russell colocou a Williams em nono, seguido de Ocon (Renault), Albon (Red Bull), Gasly (AlphaTauri), Leclerc (Ferrari), Ricciardo (Renault) e Latifi, com a outra Williams, demonstrando um excelente trabalho da equipe inglesa.


Foram eliminados: Magnussen (Haas), Kvyat (AlphaTauri), Grosjean (Haas) e as duas Alfa Romeo, com Giovinazzi e Raikkonen.


Destacando que, com exceção das Mercedes, que obtiveram seus tempos de pneus médios, todos os demais utilizaram os compostos macios.


Ambas as Williams conseguiram lugar no Qualifying 2 — Foto: Pirelli Motorsport


MERCEDES DOMINA O Q2


Cronômetro em andamento, carros à pista! A Mercedes, com seus dois carros utilizando pneus médios, demonstraram impressionante força, com Lewis Hamilton marcando 1m14s261 e quebrando o recorde da pista, seguido de Valtteri Bottas, que veio dois décimos mais lento.


Vettel colocou a Ferrari em terceira, Versttapen estava provisoriamente na quarta colocação, seguido das duas McLaren e das duas Racing Point. Os demais times se preparavam para uma última tentativa com pneus novos.


Faltando dois minutos e meio para o fim da sessão, todos os pilotos foram à pista buscando marcar tempo para se garantir no Q3. Cronômetro zerado e as Mercedes mantiveram as colocações obtidas no começo da sessão, seguidas de Verstappen, Leclerc, Norris, Vettel, Stroll, Sainz, Perez e Gasly.


Foram eliminados: Ricciardo, Russell, que largará em uma excelente 12ª posição, Alexander Albon, que não foi bem com sua Red Bull e largará em 13º, seguido de Ocon e Latifi.



MAIS PASSEIO DAS MERCEDES NO Q3


Tão logo a pista foi liberada para o Q3, as equipes trataram de mandar seus carros ao circuito, já que havia uma possibilidade de a chuva voltar a dar as caras. Lewis Hamilton marcou 1m13s613: não apenas o tempo mais rápido até ali, mas novamente quebrando o recorde do trajeto, o qual havia sido estabelecido minutos antes pelo próprio inglês.


Mas o grid ainda não estava definido e já perto do fim do Q3 todos saíram das garagens com um novo jogo de pneus. Dessa vez, Hamilton foi muito mais embalado e, além de garantir a pole, novamente anotou o menor tempo de volta da história do Hungaroring, assinalando 1m13s447. Bottas muito tentou, mas teve que se contentar com o segundo lugar, um décimo trás de Hamilton.


A segunda fila será formada pelas Racing Point de Lance Stroll e Sergio Pérez. A Ferrari, que trouxe algumas atualizações para a Hungria, e que parecem ter surtido efeito, demonstraram uma melhora, e ficaram na terceira fileira, com Vettel seguido de Leclerc. Verstappen marcou o sétimo tempo com a Red Bull, algo que com certeza não agradou ao holandês e nem à sua equipe. A McLaren garantiu a oitava e nona colocação, como Norris e Sainz. Comparando com os GPs anteriores, ficaram um pouco abaixo do que vinham conseguindo. Gasly ficou com a décima colocação, com sérios problemas em sua unidade de potência.


Racing Points largarão na segunda fileira do grid — Foto: Pirelli Motorsport


COMO FICA A LARGADA


Tempos do treino classificatório no Hungaroring — Foto: FOM / Reprodução


+ Veja a classificação completa e atualizada do Campeonato Mundial dos pilotos e dos construtores


+ GP da Hungria: Com chuva, Hamilton lidera primeiro treino livre e Mercedes consegue nova dobradinha



PRÉVIA PARA A CORRIDA


A expectativa é de Grande Prêmio de fácil dominação das Mercedes, que claramente estão em um outro patamar, considerando que Lewis colocou quase um segundo de diferença para Lance Stroll, o terceiro colocado.


O ZonaMista.net faz a cobertura completa do Grand Prix da Hungria, que terá largada dada às 10h deste domingo (19). Curta a nossa página no Facebook, onde colocamos todas as atualizações, e fique por dentro de tudo o que rola no Hungaroring! Clique aqui!