últimas notícias

⬆️ Em último compromisso antes do Mundial, Bayern vence o Hertha Berlin e dispara na ponta do Alemão


Elenco bávaro, após gol da vitória — Foto: Getty Images

⬆️ Em último compromisso antes do Mundial, Bayern vence o Hertha Berlin e dispara na ponta do Alemão


Por Gustavo Maia, em Berlim (ALE)

05/02/2021 — 17h56

 

Nesta sexta-feira (05), Bayern de Munique e Hertha Berlim se enfrentaram pela 20º rodada da Bundesliga em uma noite nevosa, no Estádio Olimpico de Berlim. Os bávaros mesmo atuando fora de seus domínios venceram por 1 a 0, chegando a 48 pontos conquistados na tabela e abrindo 10 pontos de vantagem para o segundo colocado, RB Leipzig. Com a derrota, o Hertha segue perigosamente próximo à zona do rebaixamento. O time está na 15ª colocação com 17 pontos conquistados, a mesma pontuação do Armínia Bielefeld, que abre o Z3. Em caso de vitória ou empate do Arminia na rodada - time enfrenta o Werder Bremen, neste sábado (06) -, o Hertha entra na zona da degola.


Coman comemora abertura do placar na capital alemã — Foto: Getty Images

 

1° tempo


Apesar de todo favoritismo da equipe de Munique, o Hertha Berlin iniciou a partida indo para cima do atual campeão europeu. Lukébakio, aos 3 minutos, invadiu a área e finalizou para boa defesa de Manuel Neuer. E a resposta não demorou a acontecer. Logo depois, Leroy Sané recebeu lançamento de Alaba e finalizou para dar trabalho ao goleiro Jarstein. E o alemão estava participativo: aos 10 minutos, Sané foi derrubado na área pelo goleiro do Hertha e o juiz apontou a marca da cal. Na cobrança, Lewandowiski bateu à meia altura no canto direito para defesa de Jerstein, se redimindo da infração cometida. Após esses primeiros 15 minutos, o Bayern seguia dominando o meio-campo, porém, sofrendo em contra-ataques. Mas aos 20 minutos, Coman, em uma descida pela esquerda, arriscou um arremate da entrada da área e contou com um desvio do zagueiro Torunarigha para a bola encobrir o goleiro Jerstein e morrer no fundo das redes, abrindo o placar no Estádio Olímpico de Berlim. Até o fim da etapa, as duas equipes seguiram batalhando muito na metade do campo, mas não contavam com um fator natural. A grama, antes totalmente verde, já se encontrava esbranquiçada pela neve. Esta que trouxe dificuldade às duas equipes, que foram pro intervalo com o placar em 1 a 0.


Sané tentando escapar da marcação do Hertha Berlin — Foto: Getty Images

 

2° tempo


Nesta etapa, o Bayern que antes sofria nos contra-ataques conseguiu avançar suas linhas nos primeiros 15 minutos e pôs o Hertha Berlin contra as cordas. Porém, o melhor ataque da competição parecia não estar em um dia tão inspirado na armação de suas jogadas. Aos 17 minutos, em cobrança de escanteio, Lewandowski subiu e cabeceou perigosamente contra a meta dos caseiros, mas para fora. O time da capital buscava os lançamentos longos para surpreender a defesa do Bayern e, aos 22 minutos, Guendouzi teve ótima oportunidade pela direita, finalizando para boa defesa de Neuer. Pouco depois, o Matheus Cunha teve sua chance, mas finalizando com perigo para fora. Ainda, aos 43, o Hertha teve ótima última oportunidade, em lançamento de Guendouzzi. Novamente com Matheus Cunha, que saiu cara a cara com Neuer. Tentou tocar por cavadinha, mas a bola passou caprichosamente rente à trave esquerda e morreu na linha de fundo. Dessa forma, mesmo se lançando ao ataque e pressionando em busca do empate, o Hertha não era efetivo e caiu perante os atuais campeões.


Segundo tempo foi castigado pela neve em Berlim — Foto: Getty Images

 

E agora?


Assim, o Bayern de Munique volta a campo na segunda-feira (08), para enfrentar o Al Ahly pela semifinal do Mundial de Clubes. Caso vença, a equipe bávara enfrenta Palmeiras ou Tigres na finalíssima. O Hertha pega o Stuttgart no sábado que vem, dia 13, fora de casa pelo nacional.