últimas notícias

Em jogo fantástico, Cruzeiro leva a vaga nos pênaltis

Em jogo com grande participação do VAR e gol de bicicleta no último lance, Cruzeiro avança às quartas da Copa do Brasil


Cruzeiro passa de fase em jogo fantástico no Mineirão — Foto: Copa do Brasil/Twitter

P.H. Ganso abriu o placar de pênalti após uma cobrança anterior defendida por Fábio (no primeiro lance, houve invasão das duas equipes). De resto, o time carioca dominou o 1° tempo.


Thiago Neves foi essencial na vitória nos penais — Foto: Copa do Brasil/Twitter

Na segunda etapa, bola alçada na área, Léo desviou para Thiago Neves, com o gol livre, empatar o jogo. Pouco depois, Pedro Rocha foi derrubado na grande área por Caio Henrique: pênalti para a Raposa. Sassá foi para a bola e brilhou a estrela do goleiro Agenor. Depois disso, mais um pênalti. Dessa vez, Lucas Romero foi derrubado por Caio Henrique. Dessa vez Thiago Neves para a bola e o gol. Camisa 10 sempre decisivo. Com o jogo nervoso, os comandos de Fernando Diniz se lançaram ao ataque e, aos 51' do 2° tempo, João Pedro, promessa já vendida ao Watford, fez um golaço de bicicleta.

Com a partida empatada em 2 a 2, coube a decisão nos pênaltis. O Cruzeiro contou com a mira ruim do Fluminense e venceu com a cobrança de quem? Thiago Neves, sempre ele. Excelente partida do camisa 10 cruzeirense que vinha de lesão.