últimas notícias

Eliminado! Dominic Thiem vence Nadal e pega Sverev na semifinal do Australian Open

Apesar de boa partida, espanhol não foi páreo para austríaco e acabou eliminado do Grand Slam por 3 sets a 1


Rafael Nadal foi eliminado do Australian Open nesta quarta (29) — Foto: Australian Open

Dominic Thiem venceu na manhã desta quarta-feira (29) o número 1 do mundo, Rafael Nadal, em jogo muito difícil e parelho.


O austríaco, que nunca havia vencido Rafa em Grand Slams, teve de cravar uma verdadeira batalha com duração de pouco mais de quatro horas e ganhar três Tie-breaks para seguir à semifinal do Australian Open.



Resumão


Alguém tem um cilindro de oxigênio sobrando por aí? Pois me faltou ar para ver esse jogo. Intenso e pegado do inicio ao fim, o jogo teve como personagens principais nada menos, que Rafael Nadal, número 1 no ranking da ATP, e Dominic Thiem, em quinto lugar.

A partida respondeu as expectativas e ambos performaram um tênis impecável.


Dominic Thiem (à frente) junto a Rafael Nadal (ao fundo) — Foto: Australian Open


1º set


Rafa começou sacando em uma noite muito quente na Rod Laver Arena em Melbourne, Austrália.

Ambos os jogadores trocavam games de saque muito bons fazendo com que os dois não encaixassem a devolução, quando tinham que se defender. Isso muda a partir do quinto game, quando realmente os jogadores pareciam ter se aquecido.


Foi assim que, no oitavo, Nadal se sentiu confortável e começou a subir à rede, pegando seu adversário de surpresa. Thiem, depois de tomar dois pontos dessa maneira, percebeu a tendência do espanhol em jogar dentro da quadra, entretanto, acaba por tomar um ponto fantástico no limite da quadra, em um grande lob (quando a bola acaba encobrindo o adversário).


O austríaco por sua vez, não se deu por vencido e devolveu a quebra no game seguinte, onde, por seguidas vezes, El toro falhou ao subir na rede, à medida que Dominic encontrava saídas.


Chegamos, assim, ao primeiro Tie-break do jogo, onde o numero 5 do ranking foi superior e viu Nadal pecando por suas indecisões, chegando assim à vitória do set.



2º set


Após pouco mais de uma hora, ambos os atletas tiveram uma queda na qualidade de suas devoluções, algo normal nessa perspectiva, afinal tiveram um longo set. Isso viria a se repetir. Após ter confirmado serviço no primeiro game, o tenista de Manacor quebrou o saque de Dominic e administru bem o set. Mas, tamanha façanha vai por água abaixo quando ele recebe um warning (advertência ao jogador que infringir as regras de conduta) por extrapolar o tempo limite de saque e se irrita com a arbitragem. Isto nitidamente afetou o psicológico do hispânico, que, após ver seu adversário construir muito bem dois pontos, acabou cometendo uma dupla falta, permitindo que Thiem devolvesse a quebra de saque.


O jogo prosseguiu para o Tie-break com ambos mantendo uma regularidade muito grande. Mesmo assim, o resultado foi o mesmo do anterior: The Dominator, mais uma vez fechando o set.



3º set


Nadal estava pressionado e sabia que se quisesse realizar seu sonho de ganhar mais uma vez o Australian Open precisaria levar o set. Sendo assim, voltou para a quadra disposto a fazer mais e esquecer da arbitragem. Isso combinado à sua defesa e a seu saque, ganhou aquele que talvez tenha sido o set menos disputado do jogo, mas que, ainda assim, proporcionou dez games.


Nadal comemorando em partida contra Thiem — Foto: Australian Open


4º set


O espanhol continuou com a pressão. Precisava ganhar novamente para igualar o placar e levar Thiem para o quinto set. Não iria entregar nada de graça e, o austríaco, sabendo disso, voltou à quadra determinado em jogar o melhor de seu tênis, mesmo após três longos primeiros sets.


Novamente em um episódio com a árbitra de cadeira, porém, dessa vez, por um pedido de desafio não aceito por ser “tardio”, deixou o mental afetar seu jogo e tomou decisões estranhas. Thiem, que não tinha nada a ver com isso, aproveitou, jogou bem e quebrou o saque de seu adversário.


Depois, em um game muito ruim de saques por parte de Dominic Thiem, o espanhol devolveu a quebra e voltou para o jogo. Como diria Paulo Antunes, “temos um djoko"! No Tie-break, o austríaco chegou abrir 4 a 0, mas Rafa mesmo assim buscou, salvou dois match points, mas acabou perdendo a partida por 3 a 1.


Placar final: 7(7) - 6(3); 7(7) - 6(4); 4 – 6; 7(8) – 6(6).



E agora?


Avançando assim à semifinal onde enfrentara o alemão Alexander Zverev no dia 31/01. E o Zona Mista fará a cobertura das semifinais do Australian Open, não perca.


Dominic comemorando vitória contra Rafael Nadal — Foto: Australian Open