últimas notícias

Com gol no fim, Bayern bate o Gladbach e fica a uma vitória do caneco

  • Zirkzee e Goretzka anotaram tentos para a equipe da bavária; Pavard fez contra para o Borussia

  • Acompanhe os detalhes e história do jogo


Comemoração do gol da vitória — Foto: Faisal HQ

Na tarde desse sábado (13), Bayern de Munique e Borussia Mönchengladbach fizeram confronto importantíssimo pelo campeonato alemão. De um lado o líder, sem Lewandowski e Müller, respectivamente seu artilheiro e principal garçom, buscava manter sua vantagem a fim de se sagrar octacampeão alemão, e do outro os potros, sem Pléa, que visavam confirmar a vaga na Champions League.



Resumão


Sem dois dos seus principais jogadores, o clube bávaro encontrou dificuldades ao enfrentar o Gladbach em casa, literalmente, do início ao fim da partida. Mas a supremacia do clube na Alemanha prevaleceu e eles mostraram o por quê de muitos dizerem que tem o melhor elenco do futebol. Agora, são dez vitórias consecutivas no campeonato e, cada vez mais, o octacampeonato se torna realidade. Os visitantes lutaram bravamente, e até receberam um presente de Pavard, ao fazer um gol contra, fizeram jus à colocação na tabela, mas sucumbiu à cruzamento de Pavard completado por Goretzka, ao fim da partida.



Nada de título hoje!


Se o Bayern esperava entrar em campo com a possibilidade de ser campeão ainda nesta rodada, seu rival na corrida do título Borussia Dortmund estragou os planos, após vencer o Fortuna Düsseldorf por 1 a 0, com gol de Haaland no último lance da partida. Apesar disso, o octacampeonato pode ser confirmado já na próxima rodada, com uma simples vitória.



Suspensão inédita


Desde que se profissionalizou, Thomas Müller, nunca assistiu a uma partida de casa por ser suspensão. Contudo, depois de receber cartão amarelo no jogo contra o Bayer Leverkusen, o principal garçom do time bávaro ficou de fora da partida deste sábado. Além dele, seu companheiro e comandante do ataque, Robert Lewandowski, também não jogou pelo quinto amarelo.



Primeiro tempo


Foi bem equiparado. Já no início, os visitantes tiveram gol anulado pelo VAR por impedimento. Tempo depois, o goleiro do Gladbach operou um milagre à queima-roupa, impedindo gol de Hernandez, mas logo depois errou a saída de bola e deu presente para o jovem atacante Zirkzee pegar de primeira e abrir o placar. Os potros tiveram oportunidades claras com Embolo, que viu o goleiro adversário fazer boa defesa em um primeiro momento, e depois em lance cara a cara. Mais perto do final, o Borussia empatou a partida, em gol contra de Pavard, ao tentar cortar cruzamento rasteiro.


Jovem de 19 anos celebrando a abertura do placar — Foto: FC Bayern


Segundo tempo


Na etapa final, quem fica mais tempo na posse de bola são os mandantes, que dessa maneira tentam infiltrar a zaga adversaria e que marcam pressão quando perdem a bola. Mas quando conseguem chegar, param em Sommer, que defesa após defesa vem se redimiu da falha da etapa inicial. Já o Borussia, adotou uma postura mais defensiva, marcando firme e sempre tentando tirar o máximo de espaço possível do Bayern. Quando recuperarem a posse, tentavam sair em contra-ataques pelos lados do campo. Bastou, apesar disso, que Pavard acertasse cruzamento pela direita para Goretzka, livre no meio da área, furar o bloqueio defensivo aurinegro e declarar a vitória ao Bayern.


Goretzka celebrando gol com Pavard (ao fundo) — Foto: Faisal HQ