últimas notícias

Chelsea joga bem, vence batalha pelo 4° lugar com Everton e retorna ao G4 🦁


Jogadores dos Blues após gol de Jorginho — Foto: Getty Images

Chelsea joga bem, vence batalha pelo 4° lugar com Everton e retorna ao G4 🦁


Por Gabriel Lins, em Londres (ING)

08/03/2021 16h55

 

Em confronto direto pela vaga no G4, o Chelsea bateu o Everton por 2 a 0 e segue invicto sob o comando de Tuchel. A equipe chega a 50 pontos e assume a 4º colocação. Enquanto isso, o Everton estaciona nos 46 pontos e fica agora a 4 pontos do Chelsea, em 5°.


Resumão

 

Em geral, principalmente no segundo tempo, o Chelsea foi melhor na partida. A equipe demonstrou mais uma vez segurança lá atrás e efetividade ao sair para o ataque. Por outro lado, o Everton teve muita dificuldade de criar oportunidades e finalizou muito pouco a gol do Mendy, em virtude da forte marcação dos Blues.


André Gomes sofre pressão de Kovacic em jogo desta segunda-feira — Foto: Getty Images


Bela partida de Marcos Alonso

 

O ala espanhol foi fundamental para a vitória do Chelsea. Quando o time tinha dificuldade para atacar o Everton, Alonso se movimentava de forma bastante inteligente, trocando de posição com Hudson-Odoi e acabou quebrando a marcação dos Toffees e, assim, gerando a jogada do primeiro gol dos anfitriões



Consistência defensiva

 

O Chelsea segue sólido defensivamente desde a chegada do técnico Thomas Tuchel. A equipe tomou apenas dois gols desde a chegada do alemão e conseguiu 10 clean sheets. Mais uma vez, fez uma partida segura na defesa e deu pouco espaço ao Everton.



1° tempo

 

O jogo começa com as duas equipes com muita dificuldade de trabalhar a bola e de criar oportunidades. Muito erros no último passe e poucas finalizações certas. A primeira chance mais clara veio aos 16 minutos: n sobra do escanteio, Jorginho pegou bonito de primeira e a bola passou à direita do gol do Pickford. Enquanto isso, o Everton, com as linhas avançadas, dificultada muito a aparição de espaços para os Blues, assim como a recomposição do Iwobi pelo lado direito dificultava a ultrapassagem do Marcos Alonso para se aproximar da área. Até que em uma movimentação inteligente do lateral espanhol, o Chelsea abriu o placar. Aos 30, o lateral recebeu pela esquerda, já dentro da área, e cruzou rasteiro para Havertz, que desvia e, na sequência, a bola bate em Godfrey, indo para o gol. E após a abertura do placar, os donos da casa possuíam mais a posse, mas ainda com dificuldades de furar a linha de cinco defensores do Everton. Os Blues assustaram aos 40, novamente com Alonso, mas Pickford fez boa defesa. E do outro lado, o Everton só foi chegar no último lance do jogo, com um chute de fora da área do André Gomes, mas que, sem muitas dificuldades, foi defendido por Mendy.


Alonso e Havertz celebram gol contra de Godfrey — Foto: Getty Images

2° tempo

 

Começa como terminou o primeiro tempo: Chelsea tentando trabalhar um pouco mais a bola e ainda com dificuldades para furar a marcação do Everton. No entanto, quem chegou com mais perigo primeiro foram os Toffees. Aos 10 minutos, Richarlison recebeu de Sigurdsson e chutou à esquerda do gol do Mendy. Ao substituir o Iwobi por Tom Davies, o Everton deu mais espaço para o Chelsea atacar. Hudson-Odoi carregou da esquerda, aos 15, para o meio e bateu firme para uma grande defesa do Pickford. E aos 18 minutos, veio um pênalti para o Chelsea. Kovacic enfiou para Havertz, que foi derrubado pelo goleiro do Everton. Jorginho bateu e ampliou o marcador para os Blues. Enquanto isso, os Toffees demonstravam muita dificuldade para penetrar no bom sistema defensivo dos donos da casa e pouco conseguia criar. Do outro lado, os Blues passavam a administrar a partida e trocar mais passes até o apito final.



E agora?

 

As duas equipes voltam a campo no sábado (13), pela Premier League. O Chelsea vai até o Elland Road enfrentar o Leeds United, enquanto o Everton recebe o Burnley no Goodison Park.

1 comentário