últimas notícias

Atlético anuncia ex-Chelsea e Schalke 04

Jogador de 30 anos passou por grandes clubes da Europa


Di Franco é o novo reforço do Atlético-MG — Miguel Riopa/AFP

O atacante argentino Franco Di Santo assinou com o Atlético-MG em contrato válido até o final de 2020 com opção de renovação automática por mais duas temporadas, dependendo do seu desempenho. O Galo planeja gastar 287 000 € (R$ 1,2 mi, na cotação atual) com a manutenção do jogador até o fim do primeiro contrato.


Di Santo é natural de Mendoza, na Argentina. Tem dupla nacionalidade, Argentina e Italiana, 1,96 m de altura e surgiu na base do Godoy Cruz, clube onde não durou muito: logo aos 17 anos se transferiu para o Audax Italiano do Chile e assim chamou a atenção da Europa. Com passagens por Chelsea, Blackburn e Wigan, no futebol inglês, e Werder Bremer e Schalke 04 na Alemanha, seu último clube foi o Rayo Vallecano na Espanha, onde atuou muito pouco e apenas na segunda metade da temporada 2018/19.


Franco, é tratado por muitos jornalistas argentinos como a "eterna promessa". O goleador com ascensão meteórica pouco fez na sua passagem na Europa, refém de problemas físicos ao longo da carreira. Tenta encontrar no futebol brasileiro o seu auge, aos 30 anos. Ele chega ao Atlético pra suprir uma carência: os atuais atacantes do clube vivem um jejum (desde da volta após a parada para a Copa América, nenhum dos centroavantes fizeram gol). O argentino disputará posição com Ricardo Oliveira, Alerrandro e Papagaio.


Se o torcedor atleticano analisar os números do atacante (292 jogos, 46 gols e 24 assistências), não criará expectativas, porém, apostando na mística do clube em recuperar atacantes em descrédito, confiará que desta vez Franco Di Santo irá mostrar todo seu potencial.


E se tudo der errado, o clube que já tem São Victor, Pastor Ricardo Oliveira e, agora, Di Santo, pode abrir uma comunidade religiosa.