últimas notícias

Após outro empate, Athletico despacha o Flamengo nos pênaltis, no Maracanã

Atualizado: 19 de jul. de 2019

Diego, Vitinho e Éverton Ribeiro desperdiçaram as cobranças pelo lado flamenguista


Jogadores vão comemorar com goleiro Santos, ao apito finalJogadores do Athletico comemorando vitória nos pênaltis sobre o Flamengo — Foto: Athletico-PR

O Flamengo dominou o primeiro tempo: teve mais posse de bola e mais chances... até a saída de Arrascaeta, depois de problema na coxa direita, no início. Na segunda etapa, os gols saíram. Com o resultado parcial, a partida se viu numa decisão por pênaltis, onde a equipe curitibana teve muito mais competência e contou com atuação de gala do goleiro Santos.


Na primeria etapa, o Flamengo pressionou e já aos 7' fazia Santos trabalhar, em cabeceio de Arrascaeta. Até aí, o Fla tinha muito mais domínio da bola e controlava a partida por completo. Porém, aos 13', como já citado, um baque: o gringo leva a mão à coxa e teve que ser substituído por Vitinho. O Mengão sente a falta do meia uruguaio, apesar de 2 minutos depois de sua saída, o time ter balançado a trave visitante, com Lincoln: o goleiro paraibano defendeu a finalização com o pé e a bola explodiu na trave. O Flamengo ainda teve no minuto seguinte outra chance com o mesmo Lincoln, mas este chutou de forma displicente e facilitou a defesa do goleiro. O jogo desacelera a partir daí e a próxima chance seria paranaense: Cirino recebe e toca na entrada d'área para Rony mandar o foguete, no entanto, a bola foi por cima do gol.

Gabriel comemorando a abertura do placar, no Rio — Foto: Staff Images

A etapa final se inicia em equilíbrio, ambos os times tentavam o ataque, mas seria o Fla, com Gabriel, quem marcaria primeiro: depois de bom drible de Vitinho em Jonathan, o ponta cruzou, Éverton Ribeiro ajeitou para Gabriel mandar para as redes, de canhota. O jogo segue equilibrado, apesar da desvantagem do Athletico. No entanto, estes ainda conseguiriam empatar com Rony, em batida rasteira, após passe de Bruno Nazário. Nos últimos minutos, Rony e Diego ainda tiveram suas respectivas chances para um desempate, mas não rolou: pênaltis!


Nas cobranças, Santos pegou as batidas de Diego e Éverton Ribeiro, Vitinho isolou e Diego Alves defendeu apenas quando o assistente da noite do time de Curitiba, Bruno Nazário, testou. O Athletico eliminava o Mengão, nos penais, com o placar de 3 a 1.


Assim, o Athletico enfrenta o Grêmio (confira história da classificação do Imortal aqui), nas semifinais da Copa do Brasil.

Jogadores do Athletico comemorando vitória nos pênaltis sobre o Flamengo — Foto: Staff Images

Aqui na Goal, você acompanha toda a cobertura da Copa do Brasil. Assine gratuitamente nossos emails e não perca nada!